domingo, 3 de setembro de 2017

Ela

Ela quis da vida todos os dias de sol. Quis na pele o moreno do verão. Quis o cheiro das ondas no cabelo, a areia a passear pelo corpo. Mas o tempo tudo muda. E os dias do calendário começaram a cair, como as primeiras folhas castanhas do outono que chegava. Ainda ela guardava a luz toda por dentro, quando Setembro chegou com as suas chuvas mansas. E todos na rua choravam a mudança, mas ela não. Quando guardamos o sol por dentro, nunca deixará de ser verão.

PedRodrigues

2 comentários: